Calvície em mulheres: quais as principais causas e como tratar

Calvície em mulheres: quais as principais causas e como tratar

A calvície feminina é um evento cada vez mais comum nos dias atuais. Muitas causas podem levar a este quadro, sendo a alopecia de padrão feminino (APF), que tem origem genética, a mais comum.

A APF é uma inflamação caracterizada pela diminuição progressiva dos folículos capilares (bolsas estruturadas na pele, onde se forma a raiz do cabelo) e consequente redução do volume capilar (os fios ficam mais finos e ralos).

A manifestação mais clara desse tipo de alopecia é a diminuição evidente dos fios no topo da cabeça.

Ao notar o aparecimento desse problema, com o aumento na queda de cabelos, a mulher deve primeiramente buscar orientação médica.

Tratamentos caseiros e automedicação

Segundo pesquisa realizada pelo Instituto Hibou em 2014, mais de 90% da população brasileira pratica a automedicação.

Apesar do comportamento brasileiro buscar por soluções mais rápidas, como medicamentos indicados por amigos ou tratamentos caseiros, elas não são indicadas, uma vez que podem causar reações alérgicas no organismo ou até agravar o caso, dependendo da medicação utilizada.

Visita ao médico especializado

Na consulta inicial (anamnese) com um profissional especializado em tricologia (ramo da medicina responsável pelo diagnóstico e tratamento de disfunções que ocorrem no couro cabeludo, cabelos e pelos) será abordado o tempo de evolução, a extensão da área calva, gestações e ciclo menstrual.

Esta ampla abordagem é fundamental, pois oscilações hormonais relacionadas a cisto de ovário (síndrome dos ovários policísticos), hipotireoidismo (funcionamento insuficiente da tireoide), entre outros, também são causas de calvície feminina.

Ainda não se pode deixar de lado, embora sejam mais raras, as doenças autoimunes, como lúpus eritematoso sistêmico e líquen plano. Ambas têm uma abordagem muito diferente e específica.

O tratamento irá depender do diagnóstico, podendo ser somente medicamentoso ou misto. Neste, também envolve o procedimento cirúrgico chamado microtransplante capilar.

A calvície em mulheres é um sério problema, onde a perda de autoestima é iminente, portanto deve-se procurar ajuda médica já nos primeiros sinais, para que se consiga obter resultados satisfatórios.

Como iniciar um tratamento eficaz e seguro para queda de cabelos?

Entenda quais são os primeiros passos ao buscar um tratamento para solucionar a queda de cabelo em homens e mulheres:

  • + -

    Comentários